Terrenos í  beira de praia deserta vão a leilão em SC

A Caixa Econômica Federal vai leiloar terrenos à beira de uma das últimas praias desertas de Santa Catarina: a Praia de Taquarinhas, em Balneário Camboriú, Litoral Norte. O espaço de 600 mil metros foi tomado no mês passado como garantia de um empréstimo que uma construtora da região deixou de pagar ao banco.

A instituição financeira assumiu a posse de cinco áreas à beira da praia. A data do leilão ainda não está marcada. A Caixa diz que vai seguir a lei que rege as alienações bancárias.

Já a prefeitura quer elaborar um projeto de lei para criar um parque ecológico no local, para impedir que o novo dono faça construções na área.

"O que nós queremos é garantir que essa praia se torne, possa se tornar um ambiente estruturado de educação ambiental. Ambiente onde se possa manter, por exemplo, turismo ecológico, que é um turismo extremamente rentável e eficiente para aquilo que nós queremos", disse o prefeito, Fabricio Oliveira (PSB).

Entenda o caso

A intenção da construtora que era dona dos terrenos era fazer um hotel de luxo com várias opções de lazer. Mas a área é de preservação permanente, por isso a empresa enfrentou vários entraves judiciais.

Em nota, a construtora explicou que em função da demora dos órgãos competentes para aprovar o projeto, que se arrastou por mais de 15 anos, considerou mais interessante dar outra finalidade para o imóvel.

A empresa deixou de pagar um financiamento que tinha essa área como garantia e a Caixa se apropriou dos terrenos.

A transação imobiliária rendeu para a cidade, em dezembro, R$ 7 milhões em ITBI, que é o imposto municipal pago para transferir a posse.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também