Saúde investiga morte por suspeita de dengue hemorrágica, em Itajaí­

A Secretaria de Saúde de Itajaí está investigando a morte de um homem de 55 anos esta semana. A suspeita é de que a vítima, Felício Pereira, tenha morrido após contrair dengue hemorrágica.

A família de Felício informou que ele passou mal no começo da semana passada, foi levado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Cordeiros e encaminhado de ambulância para o Hospital Marieta, no dia 28 de fevereiro. Os parentes acusam a direção da unidade de negligência médica, devido à demora no socorro.

Felício ficou em uma cadeira de rodas até ir para o quarto. O quadro acabou evoluindo, pois as plaquetas estavam muito baixas, e ele foi levado para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva), mas morreu na segunda-feira (4) de Carnaval.

A Secretaria de Saúde de Itajaí informou que foram coletadas amostras de sangue, mas os resultados não haviam chegado até esta quinta-feira (7). Ainda não há comprovação de que ele tenha tido dengue, nem que seja hemorrágica. No entanto, a família afirma que na certidão de óbito a causa da morte consta como “dengue hemorrágica”.

Em nota, o hospital informou que irá apurar o caso. Se for constatada alguma medida fora do protocolo da instituição, as medidas cabíveis serão tomadas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também