Operação Argamassa cumpre mandados judiciais em 9 cidades de SC contra fraudes em licitações

Foram expedidos seis mandados de prisão temporária e 22 de busca e apreensão. Ministério Público de Contas apurou fraudes em 23 procedimentos licitatórios.

10.09.2019

A Polícia Civil cumpre na manhã desta terça-feira (10) mandados de prisão, bem como de busca e apreensão, na Operação Argamassa, contra um esquema de fraudes em licitações. São investigados empresários de pelo menos sete empresas de Santa Catarina.

Foram expedidos seis mandados de prisão temporária e 22 de busca e apreensão. A operação foi deflagrada às 5h e até as 7h30 não havia balanço.

Cerca de 50 policiais estão trabalhando nos cumprimentos em nove cidades do estado: Balneário Camboriú, Itapema, Camboriú, Itajaí, Tijucas, Alfredo Wagner, Porto Belo, Bombinhas e Biguaçu.

A operação é coordenada pela Delegacia de Combate à Corrupção (DECOR/DEIC) em conjunto com o Ministério Público de Contas de Santa Catarina.

Esquema
Segundo a Polícia Civil, o Ministério Público de Contas apurou fraudes em 23 procedimentos licitatórios entre os anos de 2007 a 2018.

Empresas familiares de seis cidades catarinenses são suspeitas de fraudar processos licitatórios para a construção civil, relacionados à fabricação de artefatos de cimento.

A Polícia Civil investiga o favorecimento irregular e possível superfaturamento no fornecimento das mercadorias licitadas.

Fonte: G1 SC

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(47) 99262-4189

© 2019 SANTA CATARINA NEWS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: