Acusado de homicídio e estupro é encontrado com três tiros na cabeça

06.10.2019

Acusado de vários crimes, entre eles homicídio e estupro, na cidade de Biguaçu, Caetano Francisco Nunes Neto, 36 anos, foi encontrado morto, com quatro balas na cabeça, no final da tarde desta sexta-feira (4). Seu corpo foi encontrado na estrada geral de Sorocaba, interior do município. Segundo a PM, ele estava com as mãos amarradas. Não se sabe a autoria do crime.

Vários indícios levaram a Delegacia da Polícia Civil a prender Neto, nesta semana, pelo assassinato de Ilton Roberto da Silva, ocorrido no último sábado (28). Porém, ele não ficou preso. Quando foi detido pela Polícia Militar ele estava com a arma do crime (um facão), as roupas manchadas de sangue e até uma bicicleta utilizada no dia do crime, conforme imagens de câmeras de videomonitoramento.

A Delegacia chegou a pedir a prisão preventiva, em função de o acusado ter traços de psicopatia e alto grau de periculosidade. Entretanto, como a prisão excedeu o período do flagrante do homicídio, ele foi posto em liberdade. Silva e Neto não tinham nenhuma relação, sendo o crime tratado pela polícia como um fato aleatório, impulsivo. O acusado simplesmente atacou a vítima com golpes de facão quando ela passava na rua.

Entre os moradores da região, a suspeita era de que ele tinha problemas psiquiátricos. Respondia por vários crimes, inclusive estupros e furtos. No mesmo dia em que cometeu o homicídio contra Silva, foi responsável por vários atentados contra outras pessoas em diversas regiões da cidade, bem como ameaças contra mulheres.

Fonte: Informe Floripa

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(47) 99262-4189

© 2019 SANTA CATARINA NEWS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: