Pensando em abrir um negócio digital? Especialista orienta quem pretende iniciar as vendas online

Após um ano de pandemia, é impossível ignorar as mudanças que esse momento provocou nos hábitos de consumo. No Brasil, de acordo com um levantamento realizado pela Social Miner e All iN, 47% das pessoas que realizaram compras online em 2020 tiveram a primeira experiência nesse tipo de transação. Os setores que mais se destacaram foram beleza, moda e acessórios, eletrônicos e informática que juntos representaram 66% das visitas dos potenciais consumidores e contribuíram para elevar o volume de tráfego nas lojas virtuais. Atender essa demanda que deve permanecer em alta requer adaptação, alerta Ricardo Melo, gerente de marketing da HostGator, multinacional de hospedagem de sites. “O e-commerce oferece uma série de vantagens, mas, como qualquer negócio, requer planejamento e estudo sobre a área que pretende atuar”, pontua.

Um dos maiores benefícios de montar um negócio on-line é a redução de custos com a estrutura física demandada por uma loja, além da praticidade para os clientes, com loja aberta 24 horas por dia na palma da mão. Outra vantagem é que os limites geográficos perdem a relevância, sendo possível expor os produtos para um público muito maior e realizar a entrega por meio de empresas parceiras. “Ideias excelentes de negócio, por vezes, acabam em frustração por falta de um olhar atento a questões essenciais para qualquer empreendimento. Você precisa conhecer o seu produto, seu público e concorrentes. Essa análise de mercado irá orientar, inclusive, qual o tamanho do investimento necessário para tirar o sonho do papel”, acrescenta Ricardo.

Estar preparado para atender a demanda de visitantes, com uma experiência de compra agradável exige alguns cuidados. “O primeiro passo é definir o domínio, o endereço pelo qual os clientes chegarão até a sua loja, verificar a disponibilidade e registrar. Depois disso, é preciso fazer a contratação de um serviço de hospedagem de sites, que irá armazenar arquivos e informações sobre o seu negócio. Por último, você deve definir a plataforma de e-commerce que esteja alinhada com os seus objetivos atuais e futuros”, orienta Ricardo.

Outra questão que não pode passar despercebida é a segurança das informações dos clientes e meios de pagamento. O Certificado SSL é uma das ferramentas disponíveis de proteção, criptografando os dados trocados entre o navegador e o servidor. No entanto, Ricardo alerta para a importância de utilizar camadas adicionais de proteção. “Buscar vulnerabilidades com scan previne que pessoas mal intencionadas invadam o site. É preciso ainda manter sempre atualizados os plugins, aplicações e módulos, sem contar, claro, com os cuidados com o computador pelo qual você irá acessar a sua loja online, pois um computador que não esteja protegido pode abrir margem para ataques”, complementa.

Sobre a HostGator

A HostGator, provedora mundial de hospedagem de sites e serviços para presença online, foi fundada em outubro de 2002 nos Estados Unidos. Conta com um escritório no Brasil, em Florianópolis (SC), há mais de dez anos. Inserida no Grupo Internacional Endurance, a empresa tem forte atuação na América Latina, EUA, Índia, China e Rússia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também