Homem morre em confronto com a polí­cia após invadir casa e manter duas mulheres reféns no Sul de SC

Um homem de 24 anos foi morto e outros dois adolescentes de 17 anos foram apreendidos pela Polícia Militar, suspeitos de invadirem uma casa e fazer duas mulheres reféns, no Centro de Balneário Arroio do Silva, no Sul catarinense. O caso foi registrado na madrugada desta quinta-feira (21).

Segundo a polícia, os criminosos pretendiam levar os carros das vítimas e dinheiro, mas foram impedidos com a chegada da Polícia Militar.

Os policiais foram acionados pelo filho da dona da casa, que se trancou no banheiro durante a ação dos criminosos. Ao chegarem no local, os policiais fizeram um cerco.

Depois de entrar na casa, a polícia fez uma varredura e encontrou, além do homem no banheiro, duas mulheres rendidas por três criminosos.

Segundo a PM, as vítimas era a dona da casa e uma amiga dela. Elas contaram que foram agredidas com socos e chutes e chegaram a ser amarradas.

O jovem de 24 anos estava com uma arma, que foi apontada para as vítimas e para a polícia, e foi atingido com dois tiros, segundo a PM. Em seguida, a polícia chamou o socorro e ele foi levado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Com os adolescentes, a polícia apreendeu outra arma. O material apreendido e os menores foram levados para a Central de Polícia de Araranguá.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também