ArcelorMittal Brasil obtém novas certificações ambientais

Declaração Ambiental de Produtos (DAP) contempla soluções do segmento de Aços Planos para a construção civil

04.06.2020

A ArcelorMittal Brasil larga na frente e é a primeira produtora de aço na América Latina a adquirir a Declaração Ambiental de Produtos (DAP) para Bobinas Laminadas a Quente, Bobinas Galvanizadas e Galvalume. Os produtos - destinados à construção civil - são desenvolvidos nas plantas industriais do segmento de Aços Planos: Tubarão/ES e Vega/SC. As declarações emitidas pelo órgão alemão IBU (Institut Bauen und Umwelt) são baseadas nas normas ISO 14025 e EN 15804. 

Auditado de forma independente, os documentos reúnem dados sobre o ciclo de vida e os impactos ambientais dos produtos. É uma ação pioneira orientada a demonstração dos impactos ambientais dos produtos. "A transparência em mostrar os impactos dos produtos da ArcelorMittal Brasil é o principal aspecto da DAP. A certificação considera os processos de extração e produção, incluindo o fim da vida do produto", explica Guilherme Abreu, Gerente-Geral de Sustentabilidade.

Uma das novidades é que o processo da emissão da declaração para os novos produtos levou cerca de um ano. "As outras declarações obtidas pela ArcelorMittal demoraram, aproximadamente, um ano e meio. Além da experiência anterior, a contratação de uma consultoria nacional para nos dar suporte deu maior agilidade ao processo", aponta Leonardo Ribeiro, analista de Meio Ambiente da ArcelorMittal.

A iniciativa alavancada pela área do Marketing da ArcelorMittal Brasil Aços Planos e foi coordenada pelo setor de Sustentabilidade. Ela contou com a colaboração de diversas áreas do segmento de planos, entre elas: Meio Ambiente, Desenvolvimento de Produtos, Pesquisa & Desenvolvimento, Assistência Técnica e Desenvolvimento da Construção. A equipe de Pesquisa & Desenvolvimento de Mazières, na França, também colaborou ao longo do processo.

As certificações de desempenho ambiental passaram a ser cada vez mais requeridas pelo setor da Construção Civil. Entre elas, destacam-se a certificação LEED, AQUA, a GBC Brasil e o Selo Casa Azul por contribuírem com informações essenciais para o design de edificações mais sustentáveis.  Para todas as certificações, as DAPs de produtos ArcelorMittal são um diferencial para colaborar nas decisões de escolha de produtos pelos profissionais da construção civil.

LEED - A certificação LEED V4 (Leadership in Energy and Environmental Design) é uma tendência mundial na construção civil. Trata-se da principal rotulagem ambiental internacional voltada para o segmento.  É uma realidade do mercado e a cobrança, cada vez maior, aos fornecedores. Desta forma, a DAP é um diferencial a mais na escolha pelos clientes. A certificação contribuirá para aumentar a competitividade no setor de construção civil, que tem buscado entregar empreendimentos cada vez mais produtivos e sustentáveis e com menor custo.

A partir de agora, os produtos do segmento de Aços Planos para a construção civil possuem a declaração. "A DAP possibilitará uma maior presença de nossos produtos no setor de construção e a iniciativa vai ao encontro do cenário atual de edificações certificadas e com maior apelo sustentável", afirma Alexandre Gama, Gerente de Desenvolvimento da Construção Aços Planos. A área, por sinal, criada em 2019, reforça a importância do setor de construção civil para a estratégia do negócio da ArcelorMittal.

O executivo aponta que, além de trazer inúmeros benefícios para o consumidor, a emissão da DAP é uma quebra de paradigma. "É uma sinalização da empresa para o mercado que evidencia a preocupação ambiental e com a sustentabilidade, ao dar transparência aos dados de consumo de recursos naturais, às emissões e resíduos gerados no processo", conclui.

Pioneirismo - A ArcelorMittal Brasil é pioneira da indústria do aço na área de sustentabilidade de seus produtos. Ela foi também a primeira fabricante de aço do país a conquistar a certificação do Rótulo Ecológico ABNT e uma das primeiras a obter o selo da Pegada de Carbono de Produtos, desenvolvido pela ABNT em parceria com a Carbon Trust, organização sem fins lucrativos sediada no Reino Unido.

A empresa obteve a DAP para vergalhões CA25 e CA50 em 2018. No ano passado, a declaração foi estendida para Telas, Treliças, CA60 Nervurado, Arames Recozidos e Pregos. Voltados também para construção civil, os produtos são elaborados nas trefilarias do segmento de aços longos.

Steligence® - Metodologia lançada pela ArcelorMittal no Brasil em 2019 e que possibilita uma avaliação precisa e apurada de uma edificação em todas as suas etapas construtivas, desde a fundação até a fachada. A empresa levou em conta os principais métodos construtivos do mercado em conjunto com as soluções em aço "best in class" da empresa para identificar a escolha de construção inteligente em termos de custo, flexibilidade arquitetônica, geração de resíduos e conforto do usuário.

Para medir o nível de sustentabilidade da construção, foram desenvolvidos critérios a partir de três perspectivas principais: social, econômica e ambiental. No primeiro âmbito, são considerados critérios de segurança e o bem-estar humano. Já fatores como custos, velocidade e qualidade da construção entram como prioridades do pilar econômico; na perspectiva ambiental, são priorizadas questões como pegada ecológica, consumo energético e a redução dos impactos ambientais.

Fonte: Assessoria

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

47992624189

© 2019 SANTA CATARINA NEWS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: