Não há floração de microalgas potencialmente tóxicas na Lagoa da Conceição, diz IMA

Divulgação/IMA

A Fundação Municipal de Meio Ambiente de Florianópolis (Floram) e o Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA), após intensivo monitoramento, informam que, no momento, não há floração de microalgas potencialmente tóxicas na Lagoa da Conceição influenciando na condição da balneabilidade e não há mais a recomendação para evitar o consumo do pescado local.

As instituições recomendam que se evite o contato primário (banho e atividades de lazer) em águas com espumas, manchas marrons, alaranjadas ou verdes, e após períodos chuvosos.

Em caso de incidências de espumas ou manchas na água, ou ainda episódio de mortandade de peixes, deve-se informar o IMA ou a Floram para que seja iniciado procedimento de investigação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também