Hapvida adere ao projeto Hospitais Saudáveis e à rede global Hospitais Verdes e Saudáveis

Compromissos reforçam preocupação com o meio ambiente e saúde dos colaboradores, beneficiários e da população
Divulgação

O Sistema Hapvida acaba de aderir ao Projeto Hospitais Saudáveis (PHS), associação sem fins econômicos dedicada a transformar o setor de saúde em um exemplo para toda a sociedade em aspectos de proteção ao meio ambiente e à saúde do trabalhador, do paciente e da população em geral.

Segundo Jorge Pinheiro, CEO do Sistema Hapvida, a iniciativa reforça o compromisso da companhia com aspectos de proteção ao meio ambiente e à saúde dos colaboradores, beneficiários e da população em geral. “Enquanto membros relevantes do setor, concordamos em contribuir para os objetivos do PHS, compartilhando conhecimento e realizando ações que visam a melhoria contínua das práticas socioambientais”, explica. O propósito do Hapvida, de oferecer planos de saúde de qualidade a um preço acessível, é por si só um forte quesito de sustentabilidade. “Os compromissos que estamos assumindo nos ajudarão a entregar nosso propósito ao mesmo tempo em que criamos uma sociedade mais justa, segura e sustentável”, completa Pinheiro.

No mesmo acordo, consta ainda a inclusão da operadora na Rede Global de Hospitais Verdes e Saudáveis, iniciativa coordenada pela organização parceira Saúde Sem Dano (HCWH, do inglês Health Care Without Harm), se comprometendo diretamente ao cumprimento dos objetivos propostos na agenda e reportando anualmente o progresso da companhia. “O posicionamento que o Hapvida vem adotando quanto às práticas socioambientais e de governança nos coloca em um patamar diferenciado junto à sociedade”, afirma Guilherme Nahuz, diretor de relações com investidores e ESG do Hapvida. “Os compromissos assumidos hoje ajudarão a manter o Hapvida como protagonista do setor de saúde no Brasil”, finaliza Nahuz.

Os 10 compromissos dos integrantes da Rede Global de Hospitais Verdes e Saudáveis:

1. Liderança: priorizar a saúde ambiental

2. Produtos químicos: substituir produtos químicos prejudiciais por alternativas mais seguras

3. Resíduos: reduzir, tratar e descartar com segurança os resíduos de saúde

4. Energia: implementar eficiência energética e geração de energia limpa e renovável

5. Água: reduzir o consumo de água do hospital e fornecer água potável

6. Transporte: melhorar as estratégias de transporte para pacientes e colaboradores

7. Alimentos: comprar e servir alimentos saudáveis e cultivados de forma sustentável

8. Farmacêuticos: gerenciar e descartar produtos farmacêuticos com segurança

9. Edifícios: apoiar o projeto e construção de hospitais verdes e saudáveis

10. Compras: comprar produtos e materiais mais seguros e sustentáveis.

Sobre o Sistema HapvidaCom mais de 7,1 milhões de clientes, o Sistema Hapvida hoje se posiciona como um dos maiores sistemas de saúde suplementar do Brasil presente em todas as regiões do país, gerando emprego e renda para a sociedade. Fazem parte do Sistema as operadoras do Grupo São Francisco, RN Saúde, Medical, Grupo São José Saúde, Grupo Promed, além da operadora Hapvida e da healthtech Maida. Atua com mais de 37 mil colaboradores diretos envolvidos na operação, mais de 15 mil médicos e mais de 15 mil dentistas. Os números superlativos mostram o sucesso de uma estratégia baseada na gestão direta da operação e nos constantes investimentos: atualmente são 47 hospitais, 201 clínicas médicas, 45 prontos atendimentos, 173 centros de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também