Cobras criadas ilegalmente são apreendidas em Joinville

Oito cobras criadas ilegalmente em cativeiro foram resgatadas pela Polícia Militar Ambiental (PMA) no bairro Iririú, em Joinville, no Norte catarinense, após uma denúncia anônima. São sete corn snake (cobra-do-milho) e uma píton. Os répteis foram levados para a Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul).

O morador do local admitiu ser o responsável pelas serpentes. Como não tem autorização para a criação delas, vai responder por crime ambiental previsto na Lei 9.605/1998. A PMA não deu mais informações sobre o suspeito nem sobre o tipo de imóvel em que as cobras estavam.

Essas espécies não são venenosas e nem nativas do Brasil e, caso sejam soltas indiscriminadamente na natureza, podem provocar desequilíbrio ambiental, afirmou a PM Ambiental.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também