Assessor de deputado estadual de Santa Catarina reclama de salário de R$ 17 mil

Recentemente vazou nas redes sociais em Santa Catarina um áudio onde o assessor do deputado estadual Felipe Estevão (PSL), Rodnei Goulart de Souza, reclamava do salário de R$ 17.348.31. No áudio ele explica os gastos e justifica que ao final com suas despesas, que, segundo ele é para exercer funções relativas ao cargo, sobra R$ 3 mil de salário. Em entrevista ao Programa Adelor Lessa, na Rádio Som Maior, em Criciúma, o deputado garantiu que está analisando a situação e estuda a possibilidade de exonerar o assessor. Segundo ele, essa postura não condiz com a de sua equipe.

“Foi uma declaração muito infeliz, eu fiquei muito triste, muito chateado, não é esse sentimento que a gente traz. O espirito do nosso grupo é de prestar um trabalho a população”, disse Estevão. “No início da caminhada as vezes há percalços e situações que vamos ajustando para os próximos meses”, completou.

Para o deputado, não importa qual cargo político a pessoa ocupe, não é necessário luxo. “A remuneração hoje dos 40 gabinetes, com desconto ficaria R$ 13 mil e com esse valor ele teria que estar feliz e prestar um trabalho a população com todo o carinho e todo o amor”, frisou.

Felipe Estevão confirmou que a decisão ainda não foi tomada. “Estivemos conversando ontem, a ideia seria a exoneração. Eu tô conversando, parte da equipe a gente já retirou. Vamos colocar uma nova pessoa, estamos estudando o caso afinco”, concluiu o deputado.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também