Alerta: Deus é brasileiro, mas o mercado é ateu!

Divulgação

‘ MITO’: Tendo sido usual esse termo no cenário político nos últimos 4 anos, vale citar alguns dos sinônimos: quimera, absurdo, aparência, devaneio, fábula, fabulação, fantasia, fantasma, fantasmagoria, faz de conta, ficção, ilusão, imaginação, lenda, invenção, sonho, utopia, visão, desatino. Qual significado seria compatível com o perfil de Bolsonaro?

BOM SABER: A maior reserva de calcário do país – Bela Vista lidera a produção seguida de Bodoquena. De 2016 a 2022 aumentamos a produção do calcário em 144%, mas ainda importamos o produto de Minas Gerais e Paraná. Onze pedidos de concessão de lavra em andamento. Os reflexos na construção civil (cal e cimento) e na agricultura são positivos. 

1-REAÇÕES: Cada deputado da terra com sua opinião sobre o episódio de Brasília. A visão deles vai de encontro a sua posição política. Quem se elegeu na esteira do discurso de Bolsonaro tem se manifestado naturalmente contra eventuais excessos do ativismo judicial e de setores da grande mídia na abordagem dos acontecimentos referidos.

GANHOS:  Sem dúvida que o Presidente Lula saiu ganhando politicamente, inclusive no exterior, fortalecendo sua imagem popular na carona da postura inconveniente de seu antecessor. Não é preciso ter bola de cristal para prever que o fato será exaustivamente explorado, vitimizando a figura de Lula exposta inclusive como o reconstrutor do país.

ECONOMIA:  Ponto chave de toda gestão. O mercado financeiro é severo: 2 + 2 sempre é 4. Há desconfiança sobre o ‘teto de gastos’. Especialistas e investidores manifestam reticência quanto a pretensão utópica governamental. Isso provocaria rachaduras no projeto milagreiro do almoço grátis. Deus é brasileiro, mas o mercado é ateu.     

SINAIS: Já aparecem: Lula se mostra centralizador. E embora eleito por uma frente ampla de siglas e lideranças, mostra-se disposto a manter a esperada hegemonia do PT em cargos chaves na administração.  Não será fácil administrar os desejos e tendências de setores da esquerda e atender aliados do centro. Mas vale o conceito: companheiro é companheiro.

REALIDADE:  É diferente de antes, quando o PT só enfrentava oposição pra valer nas eleições. Fora disso era apenas perfumaria no Congresso. Hoje o bolsonarismo mostra   militância com forte base social. O Brasil continuará rachado? Se depender da insistência de Lula em criticar o antecessor – sem bradar a varinha mágica  da economia – sim!

PILULAS DIGITAIS:

 “Deus é o caminho, o pastor o pedágio. (na traseira de um caminhão)

“Me sinto um pouco destruído”. (Ministro Gilmar Mendes)

“É preciso que  as pessoas ricas paguem mais imposto”. (Lula)

 “O céu é o limite para o PT.” ( Eduardo Cunha )

 “A comissão faz o ladrão”. ( Jô Soares )

 “No Brasil de hoje os cidadãos têm medo do futuro. Os políticos têm medo do passado.”   (Chico Anísio)

 “ O homem é um insaciável sumidouro de vaidades que se alimenta da admiração, mais frequentemente da inveja, que consegue provocar.” (Vittório Medioli)

“Eu não entendo nada de política. Mas percebo todas as politicagens”. (Millôr Fernandes)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leia Também