Nova empresa do setor têxtil em Itajaí pode gerar mais de mil empregos 

12.04.2019

Uma das principais cidades em geração de empregos do país, Itajaí acaba de receber uma nova empresa do setor têxtil que pode gerar mais de mil novos empregos no município. A fábrica foi inaugurada nesta semana em um espaço de 25 mil metros quadrados na rodovia Antônio Heill, com investimentos de R$ 20 milhões.

Do total de oportunidades de empregos que o Grupo Pasquini espera criar em Itajaí, o Recursos Humanos da empresa informa que 350 vagas diretas já foram preenchidas, com o auxílio do Balcão de Empregos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico. Além disso, outros 300 empregos indiretos também já foram criados. Ainda estão abertas vagas técnicas e especializadas. Os interessados podem entrar em contato pelo e-mail recrutamento@grupopasquini.com.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Itajaí, Giovani Testoni, comenta que a empresa precisava expandir sua produção e crescer no cenário nacional. Para tanto, escolheu criteriosamente o lugar de sua nova instalação.

“Itajaí foi escolhida por sua localização geográfica, pois está próxima dos principais fornecedores de matéria prima da empresa, e ainda tem o Porto para escoar a produção. A empresa ainda considerou a capacidade logística, a mão de obra qualificada na região e a qualidade de vida da cidade devido aos seus investimentos em mobilidade, saúde, educação, cultura e realização de eventos”, ressalta o secretário.

Detentora de um variado portfólio de grandes marcas, o grupo está há 25 anos no mercado, tem três mil pontos de venda no país, projeta manter o ritmo dos últimos três anos e crescer 30% em 2019. Além de ter como objetivo dobrar de tamanho nos próximos cinco anos. 

Fonte: Prefeitura de Itajaí

Voltar ao Topo

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Envie sua notícia

(47) 99262-4189

© 2019 SANTA CATARINA NEWS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
Livre reprodução, transmissão ou redistribuição dos conteúdos sem edição. Pede-se a citação do crédito.

Site desenvolvido por: